Quem aí já teve a oportunidade de degustar um charuto chinês? Este da foto é um “Huanghelou 1916 Yellow Crane Tower”

Quem aí já teve a oportunidade de degustar um charuto chinês? Este da foto é um “Huanghelou 1916 Yellow Crane Tower”

Quem aí já teve a oportunidade de degustar um charuto chinês? Este da foto é um “Huanghelou 1916 Yellow Crane Tower”. Em 1916, a Nanyang Brothers Company, que foi a primeira marca de tabaco na China, contratou “formuladores” bolivianos para desenvolver a fórmula do charuto “Chinese Cigar No.1” baseada na fórmula cubana, mas com características chinesas, e criou com sucesso a primeira fórmula de charuto na China. Em 2010, com base no “Charuto Chinês No.1” e combinado com o hábito e o gosto do fumo do povo chinês, foi criada a marca de charutos chineses Huanghelou 1916, que abriu a era do gosto luxuoso dos chineses pelos charutos enrolados à mão. Temos poucas informações sobre este charuto na internet, mas descobri que na sua construção utilizam tabaco dominicano e brasileiro de piloto cubano. Para mim, é um charuto bastante leve e suave, que entrega pouquíssimo sabor. É interessante pela experiência, mas, não tenho interesse em fumar novamente. Talvez, seja o que agrada o paladar do público chinês. Interessante.
.
.

#cigars #cigar #cigarporn #cigarlife #cigarsnob #cigaraficionado #cigarlover #cigaroftheday #cigarworld #latinoaficionado #cigarstyle #charuto #charutos #donemanuel #cigarsommelier #chinesecigar #tabaco #chinacigar #huanghelou1916 #cigarjournal #cigarcollector #charutos #cigarmagazine

@ %%location-name%%



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *